Como controlar o quanto você gasta

pexels-photo-157520.jpegEstamos falando sobre a regra número 1 do poupador e, no último artigo, escrevemos sobre como controlar o quanto você ganha. Hoje vamos olhar a segunda parte dessa regra, e ver como controlar o quanto você gasta.

Há uma infinidade de dicas, procedimentos e estratégias que auxiliam as pessoas a gastar menos. Nosso foco hoje, no entanto, não é gastar menos, mas apenas manter o controle sobre o quanto você gasta. Entender o quanto e como você gasta seu dinheiro é um passo essencial para quem deseja ser um poupador ou, ainda melhor, um investidor.

A realidade, no entanto, é que a maioria das pessoas não faz idéia do destino que dá ao seu dinheiro, o que pode vir a se tornar um caminho rápido para o descontrole e o endividamento. A notícia boa, no entanto, é que é muito fácil reverter essa realidade. Tudo o que você precisa é um bloquinho de papel e uma caneta.

Anote todos os seus gastos, dos maiores aos mais ínfimos, divida em categorias (despesas básicas, alimentação, mercado, transporte, diversão) e, ao fim do mês, contabilize e verifique quanto de dinheiro você tem alocado em cada uma dessas linhas.

Há grande chance de que o simples resultado do primeiro mês já lhe mostre algumas coisas esclarecedoras. Pode ser que você descubra, por exemplo, que despesas básicas (aluguel, água, luz, telefone) têm consumido um grande percentual de sua receita, deixando pouca coisa disponível para as outras necessidades. Ou pode ser que você descubra que aquele gasto que você costumava negligenciar por ser pequeno, como aquele cafezinho no intervalo do trabalho, acabe assumindo um valor grande no fim do mês. Ou ainda, pode ser que você se surpreenda ao descobrir que mais da metade de seus gastos com lazer é para o pagamento da tv a cabo que, afinal, você quase não assiste mais. São resultados como esse que permitirão que você organize e inicie sua vida de poupador.

A execução desse método exige disciplina e, principalmente, continuidade. Por mais esclarecedor que seja o resultado de um mês, é preciso manter a disciplina e seguir com o controle nos meses seguintes, não apenas para estar sempre consciente de seus gastos mas, também, para permitir diversas correções e modificações ao longo do tempo. Se sentir necessidade, mude inclusive a metodologia para se adaptar ao seu estilo de vida:  por exemplo, você pode sentir necessidade de criar a subcategoria “viagens” para a categoria “lazer”, ou pode simplesmente não ver necessidade de manter separadas as categorias “restaurantes” e “mercado”.

Uma outra dica é que você tome cuidado com os gastos anuais. IPTU, IPVA, Material Escolar, são alguns exemplos de despesas caras e anuais (e que, para piorar, acontecem todas no início do ano). Aqui a dica é se planejar para elas, separando um pouquinho de dinheiro todo o mês para poder paga-las, evitando assim, as surpresas, e deixando seus gastos de forma “mensalizadas”.

Por fim, pode ser que você não seja muito adepto do papel e caneta, nem goste de andar com um bloquinho o tempo todo. Felizmente, você já vive na era digital e os smartphones são uma realidade. Há uma série de aplicativos que ajudam nesse controle, já separam  por categorias, te mostram os resultados mensais e apresentam uma série de ferramentas para ajudar na gestão. Falar desses aplicativos, por si só, mereceria um artigo. Felizmente, para nós, esse aplicativo já foi feito no excelente blog Valores Reais. Dêem um pulinho lá e leiam sobre as 10 funcionalidades que um bom app de controle e registro de gastos deve possuir.

4 comentários em “Como controlar o quanto você gasta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s